Arranje um Amante.

Muitas pessoas têm um amante e outras gostariam de ter um.
Há também as que não têm, e as que tinham e perderam.
Geralmente são essas últimas as que vêem ao meu consultório para me contar que estão tristes ou que apresentam sintomas típicos de insônia, apatia, pessimismo, crises de choro ou as mais diversas dores.

Elas me contam que suas vidas transcorrem de forma monótona e sem perspectivas, que trabalham apenas para sobreviver e que não sabem como ocupar seu tempo livre.
Enfim, são várias as maneiras que elas encontram para dizer que estão simplesmente perdendo a esperança.

Antes de me contarem tudo isto, elas já haviam visitado outros consultórios, onde receberam as condolências de um diagnóstico firme:
“Depressão”, além da inevitável receita do antidepressivo do momento.

Assim, após escutá-las atentamente, eu lhes digo que elas não precisam de nenhum antidepressivo; digo-lhes que elas precisam de um Amante!
É impressionante ver a expressão dos olhos delas ao receberem meu conselho.

Há as que pensam: “Como é possível que um profissional se atreva a sugerir uma coisa dessas?!”
Há também as que, chocadas e escandalizadas, se despedem e não Voltam nunca mais.
Àquelas, porém, que decidem ficar e não fogem horrorizadas, eu explico o seguinte: Amante é “aquilo que nos apaixona”.

É o que toma conta do nosso pensamento antes de pegarmos no sono e é também aquilo que, às vezes, nos impede de dormir.
O nosso Amante é aquilo que nos mantém distraídos em relação ao que acontece à nossa volta. É o que nos mostra o sentido e motivação da vida.
Às vezes encontramos o nosso amante em nosso parceiro, outras, em alguém que não é nosso parceiro, mas que nos desperta as maiores paixões e sensações incríveis.

Também podemos encontrá-lo na pesquisa científica ou na literatura, na música, na política, no esporte, no trabalho, na necessidade de transcender espiritualmente, na boa mesa, no estudo ou no prazer obsessivo do passatempo predileto…
Enfim, é “alguém” ou “algo” que nos faz “namorar” a vida e nos afasta do triste destino de “ir levando”.

E o que é “ir levando”?
Ir levando é ter medo de viver. É o vigiar a forma como os outros vivem, é o se deixar dominar pela pressão, perambular por consultórios médicos, tomar remédios multicoloridos, afastar-se do que é gratificante, observar decepcionada cada ruga nova que o espelho mostra, é se aborrecer com o calor ou com o frio, com a umidade, com o sol ou com a chuva.

Ir levando é adiar a possibilidade de desfrutar o hoje, fingindo se contentar com a incerta e frágil ilusão de que talvez possamos realizar algo amanhã.

Por favor, não se contente com “ir levando”; procure um amante, seja também um amante e um protagonista da Sua Vida…

Acredite: o trágico não é morrer; afinal a morte tem boa memória e nunca se esqueceu de ninguém.
O trágico é desistir de viver; por isso, e sem mais delongas, procure um amante…

A psicologia, após estudar muito sobre o tema, descobriu algo transcendental:

“PARA SE ESTAR SATISFEITO, ATIVO E SENTIR-SE JOVEM E FELIZ, É PRECISO NAMORAR A VIDA.”

(Dr. Jorge Bucay – tradução do original “Hay que buscarse un Amante”)

Um Feliz Natal a todos vocês e um Ano Novo repleto de realizações!

Sds…Elaine Paiva

8 comments

  1. Olá Elaine!!

    Que chocante heim!! fiquei perplexo! rsrs… Adorei a parte do “ir levando”, quanta gente faz isso!!
    Estou aqui também para te desejar um ótimo Natal e um fantástico Ano Novo….
    bjs…

  2. Um espetáculo de texto!!

    Um beijo no fundo do peito!!!Mesmo de férias preparei um diário de bordo. É preciso ficar atenta, pois em terra de maracutaias nem “santa” dá mole…rsss
    Helena Vasconcelos

  3. Oi Elaine,

    Adorei o texto.
    Arranjar um amante…Rs, rs.
    É aquela velha frase “procure fazer aquilo que lhe dê prazer”.
    A grande beleza está felicidade.
    Impressionante com uma pessoa alegre, de bem com a vida irradia uma beleza estonteante. Os olhos brilham, a pela lisinha…
    Para aqueles que fazem da vida um martílio, vivem a lamentar…Cuidado para não serem trocados por amantes… mesmo que esse amante seja um livro, um trabalho, esporte, blog…

    ELAINE,

    FELIZ NATAL!!!!

    DEUS LHE PROTEJA E ABENÇOE TODA A SUA FAMÍLIA!!

    Beijocas

    Paola

  4. Elaine, uma das coisas boas que conheci na grande rede, aproveito para parabenizá-la pelos blogs, passagem diária obrigatória para quem quer estar informado, e desejar muita saude e bom humor para que a vida possa fluir serena e tranquila. Que Deus continue te abençoando e a todos os seus queridos.
    Amplexos alvinegros.

  5. Passei para brindar a noite de Natal. Dei um tempo nas críticas lá no blog. Sei que os blogs amigos estão vigilantes. Obrigada por tudo. Que tenhas um grande ano de 2006. Bjs.

  6. Passei para dar oi pós-natal e preparatório para 2.006.
    Mesmo no recesso, não resisti, vim escrever um pouquinho e dar um beijo nos amigos.
    Bjs

  7. Olá, Eliane.
    Que beleza de texto você, com essa sensibilidade intrínseca escolheu para nos presentear.
    Obrigada
    Espero que tenha uma linda passagem de ano, junto com aqueles a quem você ama.
    Beijos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s