Mulher culpa lagosta "voadora" por morte de marido

Cada maluquice! Eu hein, americanos!

A prática em que o cozinheiro lança lagostas ao ar, comum em alguns restaurantes dos EUA, pode custar caro para os estabelecimentos. Foi o que ocorreu com o restaurante Benihana, que fica em Long Island, na cidade de Nova York. O local está sendo processado por Jacqueline Colaitis, que alega que seu marido morreu ao tentar se esquivar de um desses crustáceos. Leia mais no site terra.

Fonte: Notícias Terra

2 comments

  1. Comentar o que? Coisa de doido, ou melhor, americano mesmo.
    Quanto ao valor da indenização, US$ 10 milhões, é a cara de um país onde o judiciário se presta ao enriquecimento ilícito.
    Bjs

  2. Aonde o Ozéas viu o valor da indenização?
    Diferentemente daqui, que a valor indenização é calculado de acordo com o dano que a pessoa sofre, lá o valor é calculado para que o fato nunca mais aconteça, tem um carater punitivo-preventivo. Mas eta povinho complicado este, heim?
    É aquela estória da indenização do ladrão, que foi assaltar um casa e ficou preso na garagem, teve que comer comida de cachorro até os donos da casa retornarem. Entrou na justiça e ganhou uma gorda indenização pelos danos morais sofridos.
    Absurdo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s