ELE ESTÁ PRESO.


TESTEMUNHAS RECONHECEM O SEQUESTRADOR DE CRIANÇAS.

Testemunhas do sequestro de Maria Heloísa Figueiredo Leite, de 10 anos, no morro do Tuiuti, em São Cristovão, e de Laiza da Cruz Evangelista, de 11, na Cidade Nova, não tem dúvidas de que o homem detido pela Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV), na madrugada de ontem, em Seropédica, foi o responsável pelo desaparecimento das meninas. Ele foi apresentado a crianças na sede da Dcav, ontem, e todas o apontaram como criminoso. Até a vítima de um terceiro caso, no Rio Comprido, reconheceu o homem.
– Pode prender que é esse – afirmou X., de 12 anos, prima de Laiza.
Apesar dos indícios, a polícia preferiu não apresentar o sequestrador, pois investiga sua participação em outros casos. Depois da divulgação da prisão de um suspeito, pais de outras crianças desaparecidas estiveram na delegacia para tentar reconhecer o homem.
A mãe de uma menina levada em junho, em Campo Grande, Zona Oeste, também esteve na DCAV.
– Minha filha conseguiu sobreviver, mas o sequestrador bateu diversas vezes com a cabeça dela contra um vaso sanitário e quando ela desmaiou, ele achaou que a tinha matado. – contou a mãe que acompanhou o reconhecimento.
A mulher disse ainda que a menina ficou 26 dias internada num hospital com afundamento de crânio e teve de fazer implante de cabelo, por causa dos ferimentos.
Leia mais no Globo online

Ontem, MARCIA CRUZ EVANGELISTA, mãe de LAIZA CRUZ EVANGELISTA, cedeu amostras de saliva para exame de DNA. O material colhido será comparado com o corpos encontrados na Zona Oeste.

Nota

Ainda considero frágil a estrutura das polícias para investigação de crianças desaparecidas, mas quero reconhecer aqui, o trabalho dos policiais que se empenharam nesse caso.

Quanto a Laiza, embora as chances sejam mínimas, Deus queira que ela esteja viva em algum lugar.

Sds…Elaine Paiva

2 comments

  1. O pior, querida Elaine, é saber que a grande maioria dos casos de violência contra crianças ocorre dentro de casa… Pais, padrastos e avôs são os maiores responsáveis pelo estupro de descendentes crianças. Nem sempre com violência física, mas a violência mental permanece por toda a vida. Um beijo e desculpe a falta de comentários. Mas sempre andei por aqui.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s